Assistência Social discute direitos da criança e adolescente

O assistente social da Amures/Cisama, Lauro dos Santos coordenou na quinta-feira (20), a 16ª Roda de Conversa sobre Reflexões sobre a Lei 13.431/2017, que normatiza e organiza o sistema de garantia de direitos da criança e do adolescente vítima ou testemunha de violência. Ao todo 125 pessoas de 25 municípios participaram da reunião, por videoconferência.
Com foco na criação de mecanismos para prevenir e coibir a violência e estabelecer medidas de assistência e proteção à criança e ao adolescente em situação de violência, a reunião contou com o Promotor de Justiça de Lages Giancarlo da Rosa Oliveira. Ele falou da importância da construção de fluxos e atribuições de cada política pública ou órgão de defesa de diretos.
Também foi abordado na reunião Escuta Especializada, por ser um procedimento realizado pelos órgãos da Rede de Proteção (Saúde, Educação, Assistência Social, Direitos Humanos e Segurança Pública), para garantir proteção social e assegurar o acompanhamento da vítima e suas demandas.
O que ficou evidenciado na reunião foi a importância que a rede de Proteção Social do município se organize numa relação intersetorial e interinstitucional para garantir maior assertividade e celeridade nas intervenções de enfrentamento a violação de direitos de crianças e adolescentes.
Também tiveram espaço na reunião, a Federação Catarinense de Municípios – Fecam e o Estado.